Traga seu aplicativo para o Windows 10

O Windows 10 foi lançado oficialmente e as pessoas estão atualizando para o novo SO e tendo contato com os novos recursos da plataforma.

windows10_upgrade_devicesE agora é um bom momento para você trazer seus aplicativos para a nova versão do Windows, sejam eles Windows 8.1, Windows Phone 8.1, Windows Phone Silverlight, aplicativos Win32, sites na Web e até mesmo Android e iOS. E você poderá se beneficiar dos novos recursos presentes no Windows 10, disponibilizando o mesmo aplicativo para diferentes dispositivos como desktop, tablet, mobile, Xbox e inclusive Hololens.

Nesta série de posts iremos abordar a migração para cada tipo de aplicativo. Iremos dar dicas e sugestões de como proceder para que esse processo seja feito da forma mais simples possível.

Mas antes vamos dar uma visão geral sobre a migração para cada aplicativo citado acima.

  • Windows/Windows Phone 8.1 Store Apps:
    Aplicativos criados especificamente para Windows 8.1 ou Windows Phone 8.1 já usam muitas das APIs presentes no Windows 10. Portanto, muito código poderá ser reaproveitado. O que muda é que antes tínhamos algumas APIs específicas Windows ou Windows Phone que agora precisam ser revistas para usar APIs do Windows Foundation ou das diferentes extensões do Windows 10. Exemplo, botão de Hardware para voltar para a tela anterior, que está presente no Windows Phone mas que agora mudou a forma de acessá-lo.

    Quanto a interface do usuário, as páginas são feitas usando XAML que é o mesmo usado no Windows 10. Portanto pouca alteração deverá ser feita, principalmente nas referências para recursos de tema (ThemeResource) e do sistema (SystemResource). Mas você terá que rever seu layout considerando os diferentes tamanhos de tela. Para isso temos recursos como interface adaptativa e layout responsivo que serão abordados num próximo post.

  • Universal Apps 8.1 Store:
    Aplicativos Universal Apps 8.1 também já usam muitas das APIs presentes no Windows 10 e você poderá aproveitar muito código e telas já implementados e a migração é similar ao Windows/Windows Phone 8.1 Store Apps.

    Mas aqui você terá que tomar a decisão se quer apenas incluir novo projeto Windows 10, mantendo os projetos Windows e Windows Phone, ou migrar de vez. De todo modo, você poderá ainda usar o mesmo projeto “Shared” e apenas rever as implementações definidas dentro das diretivas de compilação condicional (#if WINDOWS_PHONE_APP ou #if WINDOWS_PHONE), migrando o código para Windows Foundation e, se for o caso, usar código adaptativo e as extensões específicas de cada tipo de dispositivo.

  • Windows Phone Silverlight 7.0/7.5:
    Aplicativos Windows Phone Silverlight eram implementados usando namespaces e APIs bem diferente daqueles presentes na versão 8.1 Store Apps. Portanto muito do código terá que ser implementado novamente, incluindo as páginas.

    Neste caso vale a pena criar um novo aplicativo Windows 10 e implementar o código tendo como base aquele já implementado no Windows Phone Silverlight.

  • Aplicativo Android:
    A migração de aplicativos Android faz parte das chamadas Universal Windows Platform Bridges, sendo desenvolvida dentro do projeto Astoria.

    Ainda não temos detalhes desse projeto. Mas podemos adiantar que seu aplicativo Android (.apk) será empacotado dentro de um aplicativo Windows 10 com muitas chamadas sendo redirecionadas para APIs do Windows. E poderá ser necessário algum ajuste de código para permitir melhor adaptação da .apk no pacote do Windows 10.

  • Aplicativo iOS:
    A migração de aplicativos iOS também faz parte das chamadas Universal Windows Platform Bridges, sendo desenvolvida dentro do projeto Islandwood. Mas diferentemente do Android, nesse caso iremos compilar o código Objective-C® para um aplicativo Windows 10.

    Um exemplo disso já existe no Windows Phone 8.1. É o Candy Crush Saga que foi trazido do iOS para a loja da Microsoft.

  • Sites Web:
    A migração de Sites Web também faz parte das chamadas Universal Windows Platform Bridges, sendo referenciadas como Hosted Web Apps. Já divulgamos no talkitbr um post sobre Hosted Web Apps. É uma ótima oportunidade de você criar ainda hoje um aplicativo Windows 10 a partir do seu site.
  • Aplicativo Win32:
    A migração de aplicativos Win32 faz parte das chamadas Universal Windows Platform Bridges, sendo desenvolvida dentro do projeto Centennial.

    Nesse caso os também chamados de aplicativos Windows clássicos que você implementou poderão ser empacotados num aplicativo Windows 10, podendo também se beneficiar de todos os novos recursos. Ainda não temos muitos detalhes sobre esse projeto. Mas qualquer novidade será divulgada aqui no nosso blog.

E é isso! Continuem nos acompanhando no talkitbr para saber detalhes de cada migração citada acima. Aproveite também para nos enviar dúvidas e problemas que vocês estão enfrentando. Nosso objetivo aqui é facilitar seu trabalho para trazer seu aplicativo o quanto antes para a loja do Windows 10.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s